terça-feira, 25 de abril de 2006

espera


Espero pelo chá, espero pela próxima ideia,
espero por ti que não chegas, e por ele e por ela. Espero por um momento que não saberei reconhecer, espero o entusiasmo da discussão, espero, sem saber o que quero. Espero sentada pelo cair da noite, espero um beijo e um abraço, espero um sorriso e uma gargalhada, espero conversas e silêncios, segredos e banalidades, espero no frio, pelo calor, espero sozinha na esplanada vazia.

1 comentário:

pjupju disse...

wow!! das mag ich!! ideale Linien von Tasse und Stuhl! : )))