terça-feira, 29 de julho de 2008





Farta deste verão, onde as férias são substituídas pelo trabalho de investigação e leituras para a tese... a poucos dias de fazer anos... irritada por metade das bandas que ia ver a Paredes terem cancelado... à beira de um ataque de nervos... desanuviar para a feira do Príncipe Real foi a melhor ideia que tive esta semana.
As mesas cheias de velharias (vendidas sempre a preços de antiguidades) são as minhas preferidas. O que me chateia é a maior parte dos vendedores serem donos de lojas de antiguidades, sendo impossível encontrar uma pechincha, além de ter sempre a sensação que, no que respeita ao preço, sou sempre levada à certa. Não são muitas, mas encontro sempre alguma coisa linda para a qual não tenho dinheiro. Desta vez vi a máquina dos meus sonhos, uma Rolleiflex impecável- pela módica quantia de 150 euros.... ficou por lá. Como me fartei de namorar todas as máquinas que vi, trouxe a mais barata que encontrei, uma Agfa Clack... nada que se compare à Agfa encontrada em Berlim, mas esta usa rolos de 120 e é tão leve e tem um ar tão básico que não resisti... Acho que vai ao festival comigo, vamos ver como se comporta.

2 comentários:

Álvaro Esteves disse...

Sim... eu entrei de férias dia 21 e recomeço mal tu faças anos. Quando regressarem de Paredes, proponho que paguemos a meias à malta um Fondue de gelado e frutas na Haagen-Dazs, para depois nos atirarmos aos livros outra vez, que isto não há-de ser tão mau

Álvaro Esteves disse...

ahhh e. e. cummings!!!!!